(Polêmica) Suposta lista de denúncia ao Detran gera bate boca e princípio de briga entre motorista e universitário ipuense

Acadêmico Elias Guilherme e o motorista Goiano. Foto/divulgação: Whatsapp

A superlotação do transporte universitário ipuense  ganhou novo capítulo essa semana através do discurso do vereador Adriano Melo ao utilizar a tribuna do parlamento ipuense na última terça (14/03). 

Na sexta (17/03), uma blits do Detran veio a agravar ainda mais o problema. O ônibus que transporta os estudantes de Ipu foi multado em decorrência da superlotação de passageiro.

De imediato veio a ordem da empresa prestadora do serviço para que não fosse permitido ninguém viajar em pé, o que de certo modo veio a prejudicar os universitários que residem em Sobral e retornam na sexta a noite. 

Eis que surge um boato afirmando que a blits do Detran ocorreu por conta de supostas 20 (vinte) denúncias ao órgão de trânsito, que inclusive havia entre os denunciantes universitários e um vereador de Ipu. Suspeita-se que tal denúncia tenha conotação política e seja uma tentativa de dividir a classe universitária em relação ao problema da superlotação.

O universitário ipuense Elias Guilherme foi apurar o caso com o motorista Goiano. Elias  alega que estava com um aparelho celular na mão e que iria pedir ao motorista que gravasse um áudio explicando se essa história da denúncia tinha fundamentação. 

Segundo um áudio feito pelo acadêmico Elias Guilherme, postado no grupo de whatsapp dos "Universitários de Ipu",  o mesmo narra que motorista Goiano derrubou o celular de sua mão, danificando-o, o chamou para a briga e fez o maior escândalo em frente ao Centro de Ciências Sociais - CCH.

O Blog Expresso Ipu concede espaço para que o citado motorista possa manifestar-se sobre o ocorrido. Nosso e-mail: rarissonramonadv@gmail.com
Compartilhar

Sobre Rárisson Ramon

Rárisson Ramon, de Ipu - CE de nascimento e criação, é acadêmico de direito, faz participações em rádio e é blogueiro.