(Crônica esportiva) Futebol da antiga metrópole ensina lição de moral ao da provecta colônia

Cristiano Ronaldo levanta a taça de campeão da Eurocopa. Portugal venceu a França na final (Foto: Reuters)
O mundo surpreendeu-se com a vitória da seleção de Portugal em um dos torneio futebolísticos mais difíceis do planeta que é a Eurocopa 2016. O nível dos atletas e a qualidade do futebol jogado é altíssimo.

Interessante que a seleção de Portugal nem figurou entre as favoritas na edição da Eurocopa, edição 2016. Falava-se muito em Alemanha, Espanha, Itália e França.

A principal estrela do time luso era Cristiano Ronaldo, um jogador dotado de habilidades invejáveis no meio futebolístico. As partidas jogadas pela seleção portuguesa era encarada como uma final, e o elenco foi avançando até chegar a final. E na final o adversário foi a seleção francesa, esta animada por ter eliminado a seleção alemã nas quartas de final.

A final foi muito disputada. Portugal e França tiveram ótimas oportunidades. A partida parecia equilibrada. Entretanto, a esperança da seleção lusa diminuiu com a saída precoce de Cristiano Ronaldo que esteve em campo somente 23 minutos.

Portugal teria todas as condições psicológicas abaladas ao ponto de comprometer o rendimento de seus atletas. Os deuses do futebol pareciam conspirar a favor do elenco francês. Todavia a seleção portuguesa mostrou força de superação e não se deixou abalar com a saída de Cristiano Ronaldo. 

O Técnico de Portugal orientou seu time a intensificar a marcação e aguardar o momento certo para definir a partida. O jogo demostrava ser decidido nos pênaltis. Entretanto, aos três minutos do segundo tempo da prorrogação, Éder, em jogada individual, abriu o marcador, sendo este o único gol da final. Portugal conseguiu vencer e sagrou-se campeã da Eurocopa 2016!

Que o exemplo seja seguido pelos jogadores da seleção brasileira que a muito tempo deixam-se abalar pelo fator psicológico e não agradam a torcida tão ávida por vitórias e títulos! O país-mãe mais uma vez ensina ao país-filho como se deve agir no mundo do futebol! Aprende Brasil!

Compartilhar

Sobre Rárisson Ramon

Rárisson Ramon, de Ipu - CE de nascimento e criação, é acadêmico de direito, faz participações em rádio e é blogueiro.