(Opinião) Em entrevista a Rádio Regional Diego Carlos faz agradecimentos e projeta-se como o novo líder político da oposição ipuense


A fala do jovem empresário ipuense Diego Carlos (PDT) ainda repercute no mundo político ipuense. Diego aproveitou os microfones da Rádio Regional de Ipu para agradecer os 11.098 votos obtidos no pleito de 2016 como também o empenho de toda a sua equipe de trabalho e militância.

Afirmou que a sua derrota nas urnas não houve culpados. Ao povo coube julgar a melhor opção e de fato o povo fez a sua escolha. Diego disse que o resultado da eleição provou que a cidade está dividida sob o ponto de vista político e que o povo foi quem fez a sua campanha política.

Diego Carlos indagou que estará mais presente em Ipu e continuará a militar na política ipuense. "Independente de cargo eletivo que venha a pleitear, vou continuar militando na política ipuense, e me farei mais presente, o grupo de oposição está cada vez mais forte", explanou Diego!


Sobre o segundo mandato de Sérgio Rufino
Diego desejou que Sérgio realize uma gestão melhor, voltada para o povo ipuense e que seja mais participativa.

Sobre o futuro político
Diego pretende, primeiramente, organizar seus negócios empresariais em Fortaleza e as demais pendências do pós-eleitoral. Após isso estará participando ativamente dos assuntos do município. Em relação a uma possível candidatura a deputado, Diego não descartou a possibilidade, contudo salientou ser cedo para adotar algum posicionamento em relação a possibilidade. Ressaltou que o futuro a Deus pertence.

Blog Expresso Ipu (Opinião política)
O discurso de Diego deixou claro que ele pretende assumir a liderança do grupo de oposição. Desta feita Sávio Pontes, Efigênia Mororó e a própria Toinha Carlos não imporão mais ordens, apenas serão ouvidos em respeito a experiência política, contudo a palavra final será dada por Diego Carlos. Este é quem de fato e de direito baterá o martelo sobre os passos políticos que a oposição tomará.

Penso que Diego deverá buscar o comando do PDT de Ipu ou de algum outro partido para legitimar a sua liderança. Se Diego Carlos pretende continuar a inovar na seara política ipuense com vistas a disputar o cargo de prefeito na próxima eleição municipal deverá buscar formas de fortalecer seu grupo político através da capacitação de sua militância como também de trabalhar novos nomes para a disputar o legislativo em 2020.

Em 2018 haverá uma prova de fogo para o novo líder político da oposição. Como se sairá, só o tempo dirá! A certeza que temos é que o tempo já está correndo...

Confira na sonora abaixo a entrevista na íntegra:



Compartilhar

Sobre Rárisson Ramon

Rárisson Ramon, de Ipu - CE de nascimento e criação, é acadêmico de direito, faz participações em rádio e é blogueiro.