Relatório do TCM-CE aponta que o município de Ipu aplicou a bagatela de R$45,00 na função cultura no 1º Quadrimestre de 2016


Investimentos em cultura é algo importante ao desenvolvimento social de qualquer município. Por meio da cultura consegue-se estimular a economia local e uma melhor integração da sociedade. 

Em tempos de crise, investir em cultura consiste em criar mecanismos essenciais a política da geração de emprego e renda. Fomentar práticas como artesanato e as demais formas de criação artísticas possibilitam gerar a memória e identidade do município.

Em Ipu, há um grande potencial cultural. A Terra de Iracema é um celeiro de grandes artistas. Na localidade de Alegria há a confecção de inúmeros artigos feitos a ´partir do barro/argila que por meio da mestra da cultura popular Dona Branca ganharam projeções nacionais. Porém a falta de maiores investimentos e a ausência de um local adequado no centro comercial de Ipu fazem com que tal arte não seja vendida de forma lucrativa.

A cidade também possui notáveis escritores, pintores e indivíduos que transformam pedaços de madeira em verdadeiras obras-primas.

Na música, o município tem talentosos compositores, cantores, além de outros músicos. Grupos como o Saxteto e Choro Feliz são compostos pelo que tem de melhor entre os artistas locais. Violeiros/seresteiros também não encontram espaço para desenvolverem seus respectivos talentos na cultura de Ipu.

Ipu carece de maiores investimento em matéria de cultura geradora de emprego e renda. O talento existente no município permite criar um promissor mercado nessa seara, basta ao gestor ter a sensibilidade de dotar maiores investimentos em cultura, que certamente haverá um produtivo retorno a cidade.

O relatório do Tribunal de Contas do Município foi concluso no dia 12 de agosto de 2016. As informações nele contidas são repassadas, geralmente, pelos que fazem a administração. Quem sabe não houve um erro de digitação quanto ao valor aplicado na função cultura no 1° Quadrimestre, tendo em vista que erros de digitação acontecem. Por ora, iremos aguardar qual a justificativa da atual gestão municipal em relação a despesa liquidada na função cultura!


Compartilhar

Sobre Rárisson Ramon

Rárisson Ramon, de Ipu - CE de nascimento e criação, é acadêmico de direito, faz participações em rádio e é blogueiro.